Pelo menos 14 estabelecimentos foram notificados na ‘Operação Proteção’. Deles, sete foram fechados pelo descumprimento de medidas de combate à Covid-19. Trinta pessoas testam positivo para coronavírus em barreiras sanitárias instaladas em João Pessoa.

Pelo menos 30 pessoas testaram positivo para Covid-19 após se submeterem a testes rápidos para detecção do novo coronavírus, realizados em barreiras sanitárias instaladas em dois bairros de João Pessoa, nesta quinta-feira (21). Ao todo, no primeiro dia da “Operação Proteção”, 92 exames foram feitos, 16 estabelecimentos comerciais fiscalizados e nove ruas higienizadas.

A ação começou a ser realizada nos bairros das Indústrias e Jardim Veneza. As equipes permanecem na região até o próximo sábado (23) e seguem para outras localidades capital na próxima semana.

A operação tem o objetivo de fortalecer o isolamento social nos bairros da cidade com a implantação de barreiras sanitárias, medição de temperatura, testes rápidos de Covid-19, ação educativa, fiscalização do comércio, além de desinfecção de ruas e avenidas.

As barreiras sanitárias da Operação Proteção foram montadas a partir do trabalho conjunto da Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob), disciplinando a passagem de veículos, com equipes da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que estão verificando a temperatura de pessoas no interior dos veículos. Caso apresente alguma alteração, a pessoa é encaminhada para fazer o teste rápido de Covid-19.

Pelo menos 14 estabelecimentos foram notificados e sete fechados durante operação em João Pessoa

Já as equipes do Procon-JP fiscalizaram 16 estabelecimentos comerciais. Deles, apenas dois estavam respeitando as determinações legais, enquanto 14 foram notificados por apresentar algum descumprimento aos decretos municipais de contenção à propagação da doença. Dos 14 estabelecimentos notificados, sete foram fechados.

Entre os estabelecimentos visitados estão lojas de roupas, salão de beleza, frigorífico, supermercados, hortifruti e lojas de material de construção. “Nossa intenção na fiscalização não é autuar, mas sim notificar e fechar, caso necessário”, afirmou Maristela Viana, secretária do Procon-JP.

Além dos testes rápidos e fiscalizações, também foi realizada a higienização e desinfecção de vários locais dos bairros. As ruas que passaram pela higienização e desinfecção foram: Rua da Produção, Rua Chico Xavier, Rua Monte Sinai, Rua Dois de Novembro, Avenida Cidade de Cajazeiras (Rua do Arco), Rua Abdias Abdon Araújo, Rua da Prosperidade, Rua do Progresso e Rua da Ação.

PMJP/Divulgação