A deputada Paula Belmonte, durante a sessão da Câmara dos Deputados, usou uma venda nos olhos ao fazer seu discurso, para lembrar que a Justiça deveria ser cega: “sem ver quem julga, e sim reconhecendo o Direito onde ele estiver”. Paula Belmonte lembrou que os deputados têm a função de representar os brasileiros para melhorar a vida de todos.