O youtuber e historiador Jones Manoel gerou polêmica na internet ao afirmar que iria comemorar uma eventual morte do presidente da república, Jair Bolsonaro, que está internado em São Paulo com obstrução intestinal.

“Bolsonaro foi internado. Já comprei fogos. ‘Tão’ deixando a gente sonhar…”, escreveu Jones Emanoel, que ainda completou em tom de ironia: “deixando claro que a parte dos fogos é brincadeira. Sou contra fogos. Assusta os animais”.

Depois de o assessor especial do presidente, Tercio Arnaud, compartilhar a matéria que fala do desejo de Jones Manoel, perguntando quem era Jones Manoel, o ministro da Cultura, Mário Frias respondeu. “Realmente eu não sei, mas se soubesse eu diria que ele precisa de um bom banho”. A fala repercutiu e tomou os noticiários.

Folha da Política.